Conheça a nova geração do Toyota Supra

Por Jornalismo Rede Nova - 21/01/2019

O novo Toyota Supra, foi revelado  no Salão de Detroit, o esportivo japonês, cujo design tem forte inspiração no conceito FT-1, que foi apresentado em 2014 também em Detroit.

Dessa forma, o visual não chega a ser surpreendente, uma vez que os faróis têm forma semelhante ao do protótipo, assim como o capô que termina com uma protuberância, uma espécie de “bico”.

BBQQwgF

Já a parte de baixo do para-choque tem design diferente, com três entradas de ar em vez de duas. As aberturas ao lado dos faróis também foram mantidas, apesar de mais discretas.

Para garantir seu estrelato, a motorização é a mesma do Z4, um 3.0 turbo em linha com 335 cv e 50,4 kgfm, associado a um câmbio automático de oito marchas. As tradições bíblicas dos seis cilindros e tração traseira não são caras somente ao pessoal da BMW, uma vez que o Supra utilizou o mesmo tipo de conjunto nas gerações passadas – foram cinco, no total. Do BMW também vieram alguns trejeitos, o melhor deles o equilíbrio dinâmico. A distribuição de peso é dividida igualmente entre os eixos.

supraperfil

O desenho (polêmico para alguns) é basicamente uma cópia do conceito FT-1 apresentado em 2014 pela equipe de desenhistas do estúdio da japonesa na Califórnia. Ele não guardou muito dos anos 90, embora a Toyota diga que se inspirou nele na criação. O primeiro carro esportivo da marca teria sido a outra musa, o Toyota 2000 GT (1967), que inspirou o teto com duas bolhas (para abrir mais espaço para cabeças e capacetes).

supratraseirapista

Nessa nova geração o esportivo compartilha a plataforma com o novo BMW Z4. Mas, como se vê, cada um deles terá uma filosofia bem distinta.

Bancos esportivos tipo concha
Bancos esportivos tipo concha

Fonte: AEsporte/Quatro Rodas