As principais notícias desta terça-feira 23 de abril

Por Jornalismo Rede Nova - 23/04/2019

Reforma da Previdência deve ser votada na CCJ

Após a votação da reforma da Previdência ser adiada em uma semana na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, o governo afirma ter garantias de que a proposta será votada hoje no colegiado. A equipe econômica aceitou alterar pontos em uma negociação feita com o Centrão, que ainda espera a nova versão do parecer do relator.

Maia crê que reforma ‘vai passar bem na CCJ’

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse nesta segunda-feira, 22, acreditar que a admissibilidade da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa “vai passar bem” em votação do colegiado prevista para amanhã. “Acho que amanhã vai passar, vai passar bem. Vamos terminar esse processo na Comissão de Constituição e Justiça que levou tempo demais, infelizmente, e a partir da semana que vem começamos o trabalho na comissão especial”, afirmou o presidente da Câmara, durante evento em Lisboa, capital de Portugal.

Caminhoneiros descartam greve após reunião

Com a promessa de que o governo vai fiscalizar o cumprimento da tabela de preços mínimos para o frete rodoviário, caminhoneiros descartaram na segunda-feira a ameaça de uma nova paralisação. Cerca de 30 representantes da categoria estiveram reunidos por quase quatro horas com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, na sede da pasta em Brasília. Ao deixar o encontro, eles afirmaram que as bases ‘foram acalmadas’.

Ex-PGR: inquérito de Toffoli é ‘uso arbitrário do poder’

‘Inconcebível no nosso estágio civilizatório’, ‘um exercício arbitrário de poder’ e uma ‘afronta à Constituição e ao sistema penal’. É assim que o ex-procurador-geral da República Roberto Gurgel classificou o inquérito aberto pelo presidente do STF, José Dias Toffoli, para investigar ofensas, ameaças e fake news contra ministros da Corte. ‘O caminho pelo qual optou a presidência do tribunal afronta a Constituição e o sistema acusatório consagrado no sistema penal brasileiro’, disse Gurgel.

Com críticas a Bolsonaro, indígenas fazem ato em Brasília

O ATL (Acampamento Terra Livre) dá início a sua 15ª edição nesta 3ª feira (23.abr.2019), na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. O evento é realizado desde 2004 e tem este ano marcado pela forte animosidade com o governo federal. A chegada dos participantes está prevista para a noite desta 3ª e a manhã de 4ª (24.abr). A manifestação é organizada pela Apib (Associação dos Povos Indígenas do Brasil). Em nota, o grupo orienta que além do evento principal em Brasília, membros de outros Estados façam mobilizações locais. Eles esperam mais de 3.000 indígenas na manifestação. Entre as críticas estão as mudanças na Funai (Fundação Nacional do Índio), como a vinculação ao Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos e não mais à Justiça e Segurança Pública, bem como a perda da responsabilidade da demarcação das terras indígenas para o Ministério da Agricultura.

Planalto muda regras da Lei Rouanet

Algumas mudanças na Lei de Incentivo à Cultura, popularmente chamada de Lei Rouanet, foram anunciadas na segunda-feira (22) pelo ministro da Cidadania Osmar Terra. O ministro confirmou o valor máximo que poderá ser captado por projetos, que passa de R$ 60 milhões para R$ 1 milhão. Entre as mudanças também estão o aumento do número de ingressos que deverão ser distribuídos gratuitamente a famílias de baixa renda e a criação de incentivos para atividades fora do eixo Rio-São Paulo.

Bolsonaro critica Olavo de Carvalho por meio de nota

O presidente Jair Bolsonaro reagiu na segunda-feira por meio de nota, às críticas do escritor Olavo de Carvalho a integrantes do governo federal, principalmente, à ala militar do Palácio do Planalto. Bolsonaro afirmou, em comunicado lido pelo porta-voz Rêgo Barros, que Olavo não contribui com os objetivos do governo. Conforme Rêgo Barros, o presidente entende que Olavo de Carvalho possui ‘espírito patriótico’ e tenta ‘contribuir com a mudança e o futuro do Brasil’.

RJ: morre 24ª vítima do desabamento na Muzema

Morreu na manhã de segunda-feira a 24ª vítima do desabamento de dois prédios na comunidade da Muzema, no Itanhangá, na zona oeste do Rio de Janeiro. Adilma Ramos Rodrigues, de 35 anos, estava internada desde que foi resgatada dos escombros dos edifícios, que ruíram no dia 12. As buscas foram encerradas no local.

Líder de facção no Rio morre após explosão de arma

Integrante do Comando Vermelho, César Augusto de Araújo, de 30 anos, conhecido como ‘PQD‘, morreu neste domingo, 21, no Hospital Penitenciário do Rio de Janeiro. O chefe do tráfico do Complexo do Chapadão foi ferido após o seu fuzil calibre .50 explodir enquanto ele o manuseava. A morte foi confirmada pela Polícia Civil do estado. O traficante deu entrada no hospital particular Terezinha de Jesus com perfurações no tórax e no abdômen na quinta-feira, 18. ‘PQD’ chegou andando, realizou o pagamento em dinheiro e afirmou que tinha sofrido um “acidente de trabalho”. A Polícia recebeu informações de que um traficante estaria internado em São João do Meriti, cidade do hospital em que Araújo tinha dado entrada, e abriu uma investigação.

STJ julga hoje recurso de Lula no caso do triplex

A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça marcou para esta terça-feira (23), às 14h, o julgamento do recurso especial do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra sua condenação no processo da operação Lava Jato referente ao tríplex do Guarujá (SP). Lula foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, de segunda instância, a 12 anos e 1 mês de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

STJ autoriza permanência de João de Deus em hospital

O ministro Nefi Cordeiro, do STJ, autorizou o médium João de Deus a permanecer mais dez dias internado no Instituto de Neurologia de Goiânia. O religioso encontra-se em tratamento de pneumonia com antibiótico intravenoso, segundo relatório do Instituto de Neurologia de Goiânia, onde está internado desde o dia 22 de março. De acordo com os médicos, o estado de saúde do paciente está piorando desde que ele foi preso, em 16 de dezembro do ano passado.

Sri Lanka: mortos em atentados sobem para 310

O número de mortos nos atentados de domingo no Sri Lanka aumentou para 310 nesta terça-feira, após o falecimento de vários feridos nos hospitais, anunciou a polícia local. As autoridades detiveram até o momento 40 pessoas, com base na investigação sobre os ataques, que deixaram ainda 500 feridos e foram atribuídos a um movimento islâmico local, o National Thowheeth Jama’ath (NTJ).

Bolívia: ônibus cai em precipício e mata ao menos 25

Pelo menos 25 pessoas morreram no acidente de um ônibus turístico nas proximidades de La Paz, na Bolívia. O veículo tentava ultrapassar um caminhão na noite de domingo 21 quando colidiu de frente com outra carreta e despencou em um precipício de 200 metros. As informações foram divulgadas apenas nesta segunda-feira, 22, quando o ônibus foi encontrado e as equipes de resgate tinham superado as dificuldades de acesse à área do acidente, informou o chefe da polícia local, Yuri Calderon. Inicialmente, o número de mortos chegou a 17.

FUTEBOL – JOGOS DE HOJE

Libertadores

17h00 – Deportivo Lara x Cruzeiro

19h15 – Libertad x Grêmio

21h30 – Atlético-MG x Nacional (URU)