Produto químico é causa da morte de abelhas em 3 propriedades de SC

Por Jornalismo Rede Nova - 12/03/2019

Um laudo indicou que o produto químico “fibronil” foi o responsável pela morte de abelhas no Planalto Norte de Santa Catarina, segundo o laudo em pelo menos 3 propriedades apontam para o produto, informou o secretário-adjunto estadual de Agricultura e Pesca, Ricardo Miotto. Segundo ele, a substância é encontrada tanto em agrotóxicos como em remédios veterinários para fazer controle de insetos.

As propriedades que investigadas ficam nas cidades de Rio Negrinho, Canoinhas e Major Vieira. Nesta semana, técnicos da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) e Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) irão coletar mais dados e amostras para tentar descobrir se o produto “fipronil” teve como origem um agrotóxico ou remédio veterinário.

No total, o estado tem 315 mil colmeias e 9,7 mil apicultores. Todas as atividades são importantes para o estado”, afirmou Miotto. Ele também disse que técnicos da Cidasc e Epagri vão levar orientação técnicas aos agricultores para que redobrem o cuidado com agrotóxicos e que apicultores que tenham também produção de outros animais tenham atenção aos aplicar os remédios para controle de insetos. Segundo a secretaria, Santa Catarina tem um mel de qualidade e a maior parte da produção é exportado e recebe o rótulo de orgânico, livre de agrotóxicos.