Juiz do DF manda soltar Joesley Batista

Por Jornalismo Rede Nova - 09/03/2018

O juiz Marcus Vinícius Reis Bastos, da 12ª Vara da Justiça Federal de Brasília, mandou nesta sexta-feira (9) soltar o empresário Joesley Batista, um dos donos da J&F, e Ricardo Saud, ex-executivo do grupo.

Pela decisão, Joesley Batista e Ricardo Saud estão obrigados a:

  • Entregar o passaporte;
  • Não deixar o país sem autorização judicial;
  • Comparecer a todos os atos do processos;
  • Manter os endereços atualizados.

Procurado, o advogado de Joesley, André Callegari, informou que não comentará o assunto, mas acrescentou esperar que o cliente seja solto ainda nesta sexta. A J&F informou que não se pronunciará.

Quando Joesley Batista e Saud foram presos, os advogados argumentaram ao STF que os dois “jamais cooptaram” algum membro do Ministério Público ou omitiram informações “maliciosamente”.