Bugatti Divo de R$ 24 milhões tem todas as unidades vendidas

Por Jornalismo Rede Nova - 01/09/2018

Pela primeira vez em sua história recente, a Bugatti tem em seu portfólio dois modelos. O lançamento do Divo marca uma nova fase da fabricante no desenvolvimento de um modelo com maior foco na performance em pista e um pouco menos no luxo quando comparado ao Chiron. Custando módicos R$ 24 milhões (5 milhões de libras), o Divo teve todas as suas 40 unidades vendidas antes mesmo de ser revelado.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Baseado no Chiron, o Divo tem como foco a performance em curvas e pistas, tanto que o design sofreu alterações extensas para melhorar a aerodinâmica e aumentar o downforce. Em relação ao Chiron, que tem estilo mais limpo e elegante, o Divo traz fendas aerodinâmicas na dianteira, traseira e lateral além de um aerofólio bastante proeminente.

As entradas de ar dianteiras são maiores e há rasgos no capô para melhorar o fluxo de ar que passa pelo Divo. Os faróis têm estilo moderno, com um filete de LED em C contornando a pequena abertura onde as luzes principais ficam. Na traseira, as luzes trazem estilo orgânico com pequenos retângulos luminosos. Há também um generoso extrator de ar com saída quadrupla de escape.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O motor 8.0 W16 de 1500 cv é o mesmo do Chiron, porém o Divo é 35 kg mais leve e é capaz de suportar até 1,6 G de aceleração lateral em curvas. A Bugatti afirma que com as mudanças promovidas no chassi, suspensão e aerodinâmica, o Divo entrega uma experiencia de pilotagem completamente diferente do Chiron, sendo um carro mais afiado e preciso nas curvas. A velocidade máxima é limitada eletronicamente a 380 km/h.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação