As principais notícias desta quinta-feira 09 de maio

Por Jornalismo Rede Nova - 09/05/2019

Temer será preso novamente após decisão da Justiça

Por 2 votos a 1, desembargadores do TRF decidiram mandar o ex-presidente Michel Temer e seu amigo, João Baptista Lima Filho, o coronel Lima, de volta à cadeia. A Corte acolheu recurso do Ministério Público Federal. O ex-presidente havia sido preso no dia 21 de março em operação que mira supostas propinas nas obras da usina de Angra 3. Ele foi solto quatro dias depois por decisão do desembargador Ivan Athié. O ex-presidente disse que irá se apresentar ‘voluntariamente’ à Justiça nesta quinta-feira (9).

Justiça manda quebrar sigilo de 8 deputados no RJ

A Justiça do Rio determinou a quebra de sigilo bancário e fiscal de pelo menos oito deputados estaduais e de funcionários de seus gabinetes. A medida foi tomada com base no relatório do Coaf que apontou movimentações suspeitas em contas correntes de assessores dos parlamentares. A lista inclui deputados do PT entre eles, o presidente da Assembleia Legislativa, André Ceciliano, PSC, DEM, PSB, PHS, PSDB e PSOL.

Guedes diz estar ‘recalibrando privilégios’

Em mais de seis horas de audiência na comissão especial da reforma da Previdência na Câmara, o ministro da Economia, Paulo Guedes, trocou farpas com a oposição, prometeu outras reformas, como a tributária, e disse que o governo, com a proposta apresentada, está ‘recalibrando privilégios’.

Guedes: ‘Esta plateia tem aposentadoria de R$ 28 mil’

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse na Comissão Especial da reforma da Previdência que o Legislativo ganha 20 vezes mais do que a média das aposentadorias. “Esta ilustre plateia do Legislativo tem aposentadoria média de R$ 28 mil. Não é razoável que quem legisla legisle em benefício próprio, para ter aposentadoria acima da média” afirmou. Depois de ver a reação de alguns parlamentares, o ministro afirmou que se referia aos funcionários do poder Legislativo, e não aos deputados. Guedes cobrou ainda protagonismo do Congresso Nacional para assumir a responsabilidade por reformas que tornem as regras mais igualitárias. “Ninguém ganha menos do que um salário mínimo, e ninguém ganha mais que o teto. Está na mão do Congresso decidir e votar”, completou.

Cortes na Educação levam à suspensão de bolsas

Depois de o Ministério da Educação anunciar contingenciamento no orçamento, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) suspendeu a concessão de bolsas para alunos de mestrado e doutorado. A decisão atinge estudantes que já haviam conseguido a bolsa para este ano, mas que ainda não haviam sido liberadas. A medida não afeta os estudantes que já estão com os cursos em andamento.

Bolsonaro troca comando da Abin

No quinto mês de governo, o presidente Jair Bolsonaro determinou uma troca no comando da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e a entrega da direção do órgão a um delegado da Polícia Federal (PF). Alexandre Ramagem Rodrigues, um dos responsáveis pela escolta de Bolsonaro na campanha eleitoral de 2018, assumirá a direção-geral da Abin no lugar do servidor de carreira Janér Tesch Hosken Alvarenga.

Ex-ministros alertam para desmonte no Meio Ambiente

Um comunicado divulgado nesta quarta-feira (8) por oito ex-ministros do Meio Ambientefaz uma série de críticas à atual gestão do ministro Ricardo Salles e alerta para riscos na área.  Eles ressaltam que o ministério passa a ideia “falaciosa” de que o desmatamento é essencial para o sucesso na agropecuária “um erro que custará caro”. “Estamos diante de um risco real de aumento descontrolado do desmatamento na Amazônia. Os frequentes sinais contraditórios no combate ao crime ambiental podem transmitir a ideia de que o desmatamento é essencial para o sucesso da agropecuária no Brasil. A ciência e a própria história política recente do país demonstram cabalmente que isso é uma falácia e um erro que custará muito caro a todos nós.” O texto assinado por Ricardo Ricupero, Gustavo Krause, José Sarney Filho, José Carlos Carvalho, Marina Silva, Carlos Mini, Izabella Teixeira e Edson Duarte dispara: “A governança socioambiental no Brasil está sendo desmontada, em afronta à Constituição”.

19,1 milhões poderão ter porte de armas

O Instituto Sou da Paz, ONG criada a partir da campanha pelo desarmamento de 1997, divulgou na quarta-feira estimativa apontando que ao menos 19,1 milhões de brasileiros poderão solicitar porte de arma de fogo, segundo as regras do decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro na terça, que trouxe nova regulamentação para o Estatuto do Desarmamento, de 2003.

STF valida uso de aplicativos de transportes

Por unanimidade, o STF decidiu na quarta-feira validar aplicativos de transporte individual de passageiros, como Uber, 99 e Cabify. Os ministros do Supremo retomaram o julgamento de um recurso da Câmara Municipal de São Paulo, que acionou o STF contra decisão do Tribunal de Justiça. O TJ-SP declarou inconstitucional uma lei municipal de 2015 que havia proibido o transporte de passageiros nessa modalidade na capital paulista. O julgamento deve ser concluído nesta quinta-feira, 9, quando deve ser definida a tese (uma espécie de resumo do entendimento do Supremo sobre o tema).

Copom mantém Selic em 6,5% ao ano

O Comitê de Política Monetária do Banco Central manteve ontem a taxa básica de juros da economia brasileira, a Selic, em 6,5% ao ano. A decisão já era esperada pelo mercado. A taxa de 6,5%, definida em março do ano passado, é a mais baixa da história. Essa é a nona reunião consecutiva com manutenção desse percentual. A Selic serve de referência para diversas outras taxas da economia.

Trump quer tornar Brasil aliado extra-Otan

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, formalizou ontem a intenção de tornar o Brasil um aliado extra-Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), o que, na prática, elevaria o status da parceria entre os dois países. Em sua mensagem ao Congresso americano, o líder republicano afirmou que a medida se dá em reconhecimento aos ‘recentes compromissos do governo do Brasil de aumentar a cooperação em defesa com os Estados Unidos’ e ‘ao nosso próprio interesse nacional em aprofundar nossa coordenação de defesa com o Brasil’.

Deputado acusado de revolta contra Maduro é preso

O autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, denunciou na quarta-feira que o vice-presidente do Parlamento, Édgar Zambrano, foi detido por agentes de inteligência em Caracas. Zambrano é um dos dez deputados contra os quais o Tribunal Supremo de Justiça ordenou um julgamento por envolvimento na revolta de um grupo de militares no dia 30 de abril passado, sob a liderança de Guaidó, reconhecido presidente interino por mais de 50 países.

Embaixada da Venezuela nos EUA tem luz cortada 

Uma equipe da companhia de eletricidade PEPCO cortou nesta quarta-feira a energia na embaixada da Venezuela em Washington, ocupada há semanas por ativistas que buscam impedir a entrada da delegação de Juan Guaidó, reconhecido pelos Estados Unidos como presidente venezuelano interino. Por volta das 20H00 (21H00 Brasília), uma equipe da companhia elétrica abriu uma tampa na rua para cortar a eletricidade no prédio de quatro andares situado no bairro de Georgetown, informaram ativistas e membros da delegação de Guaidó.

Meghan Markle e Harry anunciam nome do bebê

O príncipe Harry e sua esposa Meghan apresentaram na quarta-feira seu filho, que chamarão de Archie. ‘O duque e a duquesa de Sussex têm o prazer de anunciar que chamarão seu filho de Archie Harrison’, disse o palácio de Buckingham em um breve comunicado. O nome completo da criança, nascido na segunda-feira e apresentado ao público na quarta-feira, é ‘Archie Harrison Mountbatten-Windsor’, diz o Palácio Real.

LOTERIA

Mega-Sena acumula de novo e vai R$ 275 milhões

Aconteceu na quarta-feira (8) o concurso 2149 da Mega-Sena. Ninguém acertou as seis dezenas e o prêmio, que estava em R$ 170 milhões, deve chegar a R$ 275 milhões no próximo sorteio, previsto para o sábado (11). Confira os números de ontem: 21 – 23 – 37 – 44 – 46 – 48. 

FUTEBOL

Flamengo segura empate com Peñarol e vai ao mata-mata da Libertadores

A classificação do Flamengo à próxima fase Copa Libertadores foi muito, mas muito mais sofrida do que o esperado. No estádio Campeón del Siglo, em Montevidéu, o Rubro-Negro começou em cima e perdendo gols, mas se complicou a partir do momento que Pará recebeu cartão vermelho. Com a LDU vencendo na outra partida do Grupo D, o Peñarol apertou o time carioca. A pressão foi grande, mas não o suficiente para salvar a equipe uruguaia. No fim, mesmo com um a menos, o time brasileiro segurou o 0 a 0, chegou a nove pontos e avançou ao mata-mata do torneio sul-americano.

Palmeiras vence o San Lorenzo e fica em primeiro lugar 

Na vantagem! Foi assim que o Palmeiras terminou a fase de grupos da Conmebol Libertadores. Na noite desta quarta-feira, no Allianz Parque, a equipe derrotou o San Lorenzo, da Argentina, por 1 a 0, e ficou em primeiro lugar geral da fase, o que possibilitará decidir em casa os jogos a partir do mata-mata – exceto na final, que será disputada em jogo único. Gustavo Scarpa foi o autor do gol brasileiro.

Grêmio mostra futebol suficiente para bater a Universidad Católica

Não foi da maneira que o torcedor do Grêmio está acostumado, mas o que a equipe demonstrou diante da Universidad Católica na Arena Grêmio pela última rodada da fase de grupos na Libertadores foi suficiente para constituir o placar de 2 a 0, tentos assinalados por Alisson e Thaciano. Assim, os comandados de Renato Portaluppi chegaram a 10 pontos e vão às oitavas de final como segundo colocado da chave já que, antes mesmo dessa rodada

JOGO DE HOJE

Libertadores

21h30 – Boca Juniors x Athletico-PR